Jornalismo

Justiça decreta prisão preventiva de três acusados do assassinato da médica Gisele Palhares

Gisele, que tinha 34 anos, morreu após ser baleada na cabeça em uma tentativa de assalto na Linha Vermelha, em 2016. Suspeitos estão foragidos

Foto: Reprodução GloboNews

A Justiça do Rio de Janeiro decretou a prisão preventiva de três homens apontados como os assassinos da médica Gisele Palhares, após uma tentativa de assalto na Linha Vermelha, em abril de 2016.

Gisele, que tinha 34 anos, morreu após ser baleada na cabeça. Ela chegou a ser levada para o Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, na Baixada Fluminense, mas não resistiu.

As investigações da Polícia Civil concluíram que quatro criminosos participaram da ação e que eles obedeciam às ordens do traficante Thiago Rodrigues da Silva, conhecido como “TH”, que está preso.
Com a decisão da Justiça, Marcos da Silva Gomes e Rodrigo Ribeiro, conhecido como “Da Farmácia”, são considerados foragidos. O disque-denúncia oferece a recompensa de mil reais por pistas que levem a prisão dos criminosos.
enquete

Vale a pena se tornar vegetariano só para agradar o (a) parceiro (a)?
Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
22 de Setembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »