Campeonato Brasileiro

Mais uma derrota! Vasco sofre virada para o Londrina e desperdiça chance de entrar no G-4 da Série B

Cruzmaltino estaciona em décimo lugar, atrás do rival Botafogo, em oitavo

Por Bruno Gentile

Vasco perde de virada para o Londrina, por 2 a 1, pela Série B
(Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Segunda derrota consecutiva! Em mais uma fraca atuação, sem bom desempenho e novas falhas defensivas, o Vasco perdeu por 2 a 1 para o Londrina, de virada, nesta quarta-feira (18), em São Januário, pela 19ª e última rodada do turno da Série B do Campeonato Brasileiro, e, além de acumular dois resultados negativos seguidos, ainda desperdiçou a oportunidade entrar de vez no G-4 da competição nacional. Marquinhos Gabriel fez a favor dos cariocas, mas Marcelinho e Safira, de pênalti, deram números finais ao jogo. Dessa forma, os comandados de Lisca, bastante contestado pela torcida, estacionam na décima posição, com 28 pontos e atrás, inclusive, do rival Botafogo na tabela de classificação.

O primeiro tempo começou bem morno e nenhuma chance perigosa foi criada até os 18 minutos, quando após grande jogada individual de Safira, Gegê, ex-Botafogo, chutou com força e mandou à direita de Lucão, armando boa trama a favor dos paranaenses. Entretanto, os visitantes pararam neste lance e não assustaram mais. A partir daí, o Cruzmaltino também evoluiu em campo e criou algumas possibilidades. Aos 30, Léo Matos recebeu belo passe de Juninho e cruzou ainda melhor para Cano. O camisa 14 subiu, cabeceou, mas a tentativa foi por cima do travessão.

Já perto do fim, com mais volume ofensivo e, por outro lado, sem tantas oportunidades perigosas construídas, Léo Jabá quase abriu o placar em São Januário, aos 40. O atacante aparou pela faixa esquerda do gramado, ajeitou em direção ao meio, arriscou colocado, com direito a desvio em Saimon, e acertou a trave da baliza de César. Nos acréscimos, o Gigante da Colina, bastante presente no ataque, teve tempo ainda de obrigar o goleiro adversário a trabalhar. Isso porque, aos 44, Sarrafiore avançou pela intermediária e concluiu de média distância, fazendo com que o arqueiro encaixasse a bola sem maiores dificuldades.

Na volta do intervalo, com a mexida de Bruno Gomes no lugar de Juninho, o Vasco voltou muito diferente em relação à etapa inicial e demonstrou vontade de ganhar o duelo contra o Londrina logo nos primeiro segundos, quando Zeca levantou na área, Marquinhos Gabriel testou firme e Felipe cortou para escanteio. A pressão seguiu e, aos 7, Cano teve outra chance de inaugurar o marcador: Léo Jabá desarmou Marcelinho, progrediu e tocou no argentino, que girou e chutou de longe, mandando à direita da meta de Dalton, substituto de César.

A melhora estava tão significativa que, em bonito lance, o Cruzmaltino chegou ao objetivo e conseguiu abrir o placar, aos 8. Romulo brigou pela posse e Zeca esticou na ponta, com Léo Jabá, que cruzou perto da marca da cal. Marquinhos Gabriel apareceu, de surpresa e sozinho, na boa, para arrematar forte, de canhota, e vencer o goleiro, fazendo 1 a 0 em São Januário. Entretanto, após o tento dos donos da casa, o Londrina não recuou, foi para cima, e por pouco não empatou, aos 19, em bonita cabeçada de Saimon, aproveitando cobrança de escanteio, e linda defesa de Lucão.

A partir daí, o jogo passou a ficar movimentada e com oportunidades a favor de ambos os times. Sarrafiore, inclusive, quase ampliou a vantagem dos mandantes, ao chutar firme na direção da baliza e obrigar Dalton a fazer ótima intervenção. Só que a alegria do Gigante da Colina teve rápido fim, porque, em falha de Lucão, os paranaenses igualaram o marcador. Aos 25, Caprini bateu de fora da área, o jovem arqueiro espalmou errado e Marcelinho, no rebote, veio de peixinho e completou às redes.

O empate acabou esfriando as investidas vascaínas e, até mesmo, freando os ataques londrinenses, o que deixou o duelo morno e sem expectativas de haver um vencedor. Quando tudo parecia se encaminhar para o 1 a 1, Ricardo Graça apareceu negativamente na partida e contribuiu diretamente para o resultado final. Aos 40, o zagueiro campeão olímpico com a Seleção Brasileira nos Jogos de Tóquio, assim como Lucão, carregou demais a bola, foi desarmado e, em seguida, cometeu penalidade máxima. Na cobrança, Alisson Safira, que sofreu a infração, bateu rasteiro, no meio, e decretou a virada dos visitantes e a segunda derrota consecutiva da equipe do técnico Lisca.

Agora, com mais um resultado negativo, o Vasco terá de tentar novamente se reabilitar na competição, no sábado (21), às 19h, no Estádio Germano Krüger, no Paraná, quando irá pegar o Operário, pela 20ª rodada, a de abertura do returno, da Série B do Campeonato Brasileiro. Vale lembrar que, no duelo entre os times na estreia da Segunda Divisão desta temporada, o clube da cidade de Ponta Grossa bateu os cariocas por 2 a 0, também em uma péssima atuação e marcação dos defensores de São Januário.

Últimos vídeos do Vascão


recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
24 de Outubro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
08:00 - Show do Pedro Augusto
10:00 - Show do Heleno Rotay
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Bola em Jogo
20:00 - Conexão Tupi
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »