Jornalismo

MP recorre contra regime semiaberto de Alexandre Nardoni

Ele foi condenado por assassinar a própria filha Isabela, em 2008, ao lado da madrasta da garota

Foto: Reprodução

Por: Redação Tupi

O Ministério Público do (MP-SP) entrou com um recurso contra o pedido de regime semiaberto a Alexandre Nardoni, condenado por assassinar a própria filha Isabela, em 2008, ao lado da madrasta da garota, Anna Carolina Trotta Peixoto Jatobá. As informações são do site G1.

Nardoni está preso há 11 anos em uma penitenciária em Tremembé; semana passada, lhe foi concedida a possibilidade de cumprir o resto da pena, que termina em 2036, no regime semiaberto. A primeira saída está prevista para o dia 11 de agosto, Dia dos Pais.

O promotor Luiz Marcelo Negrini, da Promotoria de Justiça de Taubaté, alega que o detento precisa ter o caso analisado mais a sério e quer que Nardoni seja submetido ao teste de Rorschach, conhecido como “teste de borrão de tinta”. A medida estuda traços profundos da personalidade do examinado e consegue identificar se o indivíduo está reabilitado para o convívio em sociedade.

A juíza Sueli Zeraik tinha autorizado o semiaberto a Nardoni por causa do comportamento dele em cárcere, considerado ótimo.

enquete

Mulheres administram melhor o dinheiro do que os homens?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
16 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »