Modal

Polícia Civil conclui inquérito sobre morte de cozinheira na Freguesia

Cláudio André Silva Antônio, de 40 anos, foi indiciado pelo crime. Ele já estava preso temporariamente desde o dia 04 de agosto

Por Redação Tupi

(Foto: Reprodução)

A Polícia Civil do Rio finalizou as investigações acerca da morte da cozinheira Gilmara de Almeida da Silva, de 45 anos. Segundo o inquérito, o enfermeiro Cláudio André Silva Antônio, de 40 anos, foi o responsável por asfixiar a diarista na casa dos patrões de ambos, na Freguesia, no dia 30 de julho.

A polícia ainda não confirma se houve estupro, mas a perícia confirmou que encontrou sêmen no lençol do quarto de Gilmara, além da máscara de proteção semelhante a usada pelo enfermeiro, que foi reconhecida pela esposa dele. Cláudio já estava preso temporariamente desde o dia 04 de agosto.

Em entrevista a reportagem da Super Rádio Tupi, Michelle da Silva, filha da cozinheira, contou que o inquérito apontou traços de sociopatia em Cláudio, além de indicar que o cuidador de idosos agiu sozinho e com frieza.

Segundo Michelle, a delegada responsável pela condução do caso ainda relatou que Cláudio era esquizofrênico e não tomava remédios na época em que trabalhava na casa com Gilmara.

 

Comentários

enquete

Você acha que o Flamengo vai levar novamente a Libertadores?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
05 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »