Rio

Viúva afirma que militares “ficaram de deboche”, após fuzilarem carro em Guadalupe

Luciana Nogueira falou a imprensa após reconhecer o corpo do marido no Instituto Médico Legal

(Foto: Reprodução/Facebook)

Luciana Nogueira, viúva do músico Evaldo dos Santos Rosa, foi até o Instituto Médico Legal nesta segunda-feira, reconhecer o corpo do marido. Ela também estava no carro que foi fuzilado com mais de 80 tiros, por militares, em Guadalupe, no último domingo.

Visivelmente abalada, ela conversou com a imprensa presente no local, sobre o ocorrido: “O meu filho estava no carro e viu tudo. Ele quer a foto do pai. Eu falei que o pai está no hospital. Por que o quartel fez isso? Os vizinhos começaram a socorrer, mas eles continuaram atirando. E falei: ‘moço, socorre o meu esposo’ eles não fizeram nada e ficaram de deboche”.

A família, na hora da ação, estava indo para um chá de bebê. E Luciana contou que eles tinham optado por passar naquele caminho, próximo ao quartel, justamente por segurança: “Eu falei: ali é calmo, ali é nossa área. E eu vi o quartel. Tava protegida, da mesma forma que, quando eu vejo um policial, eu me sinto protegida”.

E ela ainda completou o raciocínio falando sobre a sua perda: “Eu perdi meu melhor amigo. Eu estava com ele há 27 anos. Adorava música, um homem caseiro, trabalhador. Cuidava de mim como ninguém”.

Ainda nesta segunda-feira, dez dos doze militares envolvidos no caso foram detidos, após prestarem depoimento na Delegacia de Polícia Judiciária Militar.

enquete

Caio Afiune mereceu vencer a prova do líder desta semana?

Carregando ... Carregando ...


AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
10 de Abril de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Roberto Canazio
« Programa Anterior
17:00 - Super Futebol Tupi
11:00 - Programa Francisco Barbosa
15:00 - Show da Galera
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »