Conecte-se conosco

Destaques

Vulcão Tonga muda cor do céu no Rio

Partículas da erupção percorreram 13 mil quilômetros, da Austrália até o Rio. Quando o sol está baixo, a ‘poeira’ iluminada dá esse tom diferente

Publicado

em

céu rosa rio
Condomínio em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio (Foto: Luiz Walcyr / Super Rádio Tupi)
céu rosa rio

Condomínio em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio (Foto: Luiz Walcyr / Super Rádio Tupi)

As manhãs do Rio desta semana têm sido um pouco diferentes. O céu ganhou uma cor nova, que rendeu um visual inusitado.

A cor rosa no céu tem a ver com as temperaturas altas da semana. O Rio chegou a bater os 40°C na Barra da Tijuca. A culpa é do Vulcão de Tonga.

No ultimo dia 15 ocorreu a erupção cuja a força superou a de uma bomba atômica e detonou um tsunami, também mexeu com o céu. A fumaça expelida saiu do pacifico sul e, 13 quilômetros depois, chegou aos ares cariocas.

As partículas do vulcão Tonga, quando iluminadas pelo sol, acabam “pintando” o céu de outra cor. No amanhecer e no entardecer esses tons ficam expostos e causam esse visual. Segundo o climatempo, o fenômeno continuará durante a semana.

Imagens da costa de Tonga mostram danos a estruturas e árvores após o tsunami

Foto: Consulado do Reino de Tonga via BBC

A erupção foi aterrorizante para Tonga. Pelo menos três pessoas morreram até o momento. Ondas gigantescas, de até 15 metros, atingiram o arquipélago, invadindo casas na capital Nuku’alofa e destruindo povoados inteiros. Os cabos de comunicação do país foram rompidos, cortando a comunicação do país.

A fumaça do vulcão chegou até a estratosfera, e segundo os especialistas, as cinzas e os gases vão continuar circulando por semanas, possivelmente até meses. Com tantas partículas nos oceanos, o mar fica mais escuro, o que vai atrapalhar a pesca em Tonga.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.