Política

Chega à segunda instância processo de sítio de Atibaia, que pode manter Lula preso

Caso a sentença seja decidida antes de setembro, o ex-presidente pode perder o direito à progressão de pena

Por Redação Tupi

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Nesta quinta-feira, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), responsável por julgar casos de segunda instância da Operação Lava-Jato, recebeu o processo que investiga se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu algum valor com as reformas no sítio de Atibaia, lugar onde passava os fins de semana com a família.

Se o processo terminar e Lula for condenado antes de setembro, o ex-presidente não poderá deixar a prisão, pois, nesse mês, ele completa 1/6 da sentença e poderia deixar a cadeia, com o recurso chamado progressão de pena.

A sentença de Lula o condenou a 12 anos e 11 meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. De acordo com a juíza Gabriela Hardt, apesar de o ex-presidente não ser o proprietário formal do lugar, ele recebeu vantagens indevidas de reformas feitas pelas empreiteiras Odebrecht e OAS.

 

 

Comentários
enquete

Qual a sua opinião sobre o uso do VAR no Brasileirão?
Carregando ... Carregando ...
recomendadas
AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
Deixe sua mensagem
    Carregando...
17 de Julho de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Francisco Barbosa
« Programa Anterior
12:00 - Patrulha da Cidade
13:10 - Show do Pedro Augusto
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »