Brasil

Aumento da procura causa problemas no abastecimento de gás

Segundo o Sindgás, a Petrobras não conseguiu responder com a mesma velocidade, o que gerou um atraso de dois ou três dias para as entregas de produto

Por Marcos Antonio de Jesus

(Foto: Reprodução/Agência Brasil)

De acordo com o presidente do Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liqüefeito de Petróleo, o  Sindigás, Sérgio Bandeira de Mello, houve um aumento “surpreendente e inesperado” na procura por botijões de gás, da ordem de 25% nos últimos 10 dias do mês de março, comparado ao mesmo período do ano passado. Segundo o Sindgás, a Petrobras não conseguiu responder com a mesma velocidade, o que gerou um atraso de dois ou três dias para as entregas de produto.

Para Bandeira de Mello, os efeitos dessa corrida são momentâneos em função de pressões bruscas da demanda”. Segundo ele, o atraso no abastecimento foi mais sentido em São Paulo. “Um dos motivos foi a interrupção do funcionamento em um duto da Petrobras entre Santos e Mauá. A expectativa das distribuidoras é começar a receber carga de gás por meio dessa tubulação entre o fim do dia de hoje e esta terça-feira.

A Petrobras alega que, em relação ao gás, não há falta do produto, mesmo com a população tendo aumentado o consumo, por medo de desabastecimento. A estatal informou que, em março, as vendas de gás de cozinha, o GLP, totalizaram 615 mil toneladas, 8 mil toneladas acima da quantidade inicialmente acordada com as distribuidoras.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
23 de Novembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Cidinha Livre
« Programa Anterior
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »