Brasil

Bahia assina acordo para distribuir 50 milhões de doses da vacina russa Sputinik V

Com esse acordo, o Estado vai poder comercializar o imunizante em território nacional a partir de novembro, desde que a vacina passe pela aprovação dos órgãos reguladores do Brasil

Por Redação Tupi

(Divulgação: Sputinik V)

O Estado da Bahia e o Fundo de Investimentos Direitos da Rússia (RDIF) anunciou a assinatura do acordo para o fornecimento de até 50 milhões de doses da vacina ‘Sputinik V’, a primeira contra a covid-19 registrada no mundo. Com esse acordo, o Estado vai poder comercializar o imunizante em território nacional a partir de novembro, desde que a vacina passe pela aprovação dos órgãos reguladores do Brasil, por meio da Bahia-farma, uma fundação que atua na pesquisa científica e na produção e comércio de medicamentos.

O governador da Bahia, Rui Costa (PT) disse por meio das redes sociais que está celebrando a assinatura do acordo com a RDIF. “Acredito na ciência e estou confiante nos resultados. É mais um importante passo dado para salvar vidas humanas, mas ainda precisamos contar com o seu apoio. Evite aglomerações, #UseMáscara e não se esqueça de higienizar as mãos!”, escreveu.

Por meio de nota, o secretário de Saúde da Bahia, Fábio Villas Boas, confirmou que o governo “está muito satisfeito com o acordo (…) e que garantirá o acesso à vacina Sputinik para o povo brasileiro, assim que for aprovado pelas autoridades regulatórias nacionais”.

Ainda em nota, a pasta falou sobre o fato de a vacina russa contra o coronavírus usar o adenovírus humano, “uma plataforma para o desenvolvimento de vacinas que tem se mostrada segura ao longo de décadas, incluindo 75 publicações científicas internacionais e mais de 250 ensaios clínicos”.

“Estamos felizes de fazer uma contribuição tão importante na luta contra a pandemia fornecendo a vacina Sputnik V, segura e eficaz, para nossos parceiros no Brasil”, disse o CEO do RDIF, Kirill Dmitriev.

O anúncio acontece dois dias depois que o RDIF anunciar a assinatura do contrato com a farmacêutica mexicana Landsteiner Scientific para 32 milhões de doses da Sputinik V. Além disso, o Paraná anunciou a assinatura do memorando de entendimento para testar e produzir a vacina russa em agosto. No total, Moscou já recebeu pedidos de 1 bilhão de doses da vacina.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
18 de Setembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Clóvis Monteiro
« Programa Anterior
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »