Brasil

Celular recuperado pela PF era do ministro da AGU

A Polícia Federal montou um esquema com 15 agentes para encontrar o aparelho em uma favela no Rio

Por Redação Tupi

No último sábado, a Polícia Federal montou uma operação com o apoio da Polícia Militar, com 15 agentes, chefiados pelo delegado da PF Rodrigo Piovesan Bartolomei para recuperar um celular na favela do Rio. Mas de acordo com a revista Crusoé, o telefone pertence ao advogado-geral da União, André Mendonça. A informação foi confirmada pelo G1 Rio.

Em nota, a Advocacia-Geral da União (AGU) confirmou que Mendonça perdeu o aparelho em um uber.

“O advogado-geral da União, André Mendonça, comunicou a perda do aparelho funcional à Polícia Federal que, por sua vez, adotou as providências que considerou necessárias, tendo em vista tratar-se de celular que continha informações de Estado”, informou a nota.

Já a PF afirmou que “a operação foi montada porque o conteúdo do telefone celular é de interesse da instituição”.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
27 de Janeiro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »