Conecte-se conosco

Brasil

Compras de ações da Eletrobras vão poder ser feitas com recursos do FGTS

Modelo de privatização é semelhante ao que foi adotado na privatização da Embraer

Publicado

em

Imagem do prédio da Eletrobras
(Foto: Reprodução / Agência Brasil)

Os Trabalhadores vão poder comprar ações da Eletrobras usando o FGTS. O governo espera que o volume aportado chegue a R$ 6 bilhões. Vai ser possível participar da capitalização da estatal usando até 50% do saldo do fundo, já o valor mínimo para aplicação foi estabelecido em R$ 200. O Governo Federal estima vendas expressivas de ações, como ocorreu na capitalização da Petrobras.

Para participar, o trabalhador deve acessar os canais disponibilizados pela Caixa Econômica Federal, pelo aplicativo do FGTS ou nas agências do banco. Na plataforma, o usuário pode simular as movimentações. A compra será feita via Fundos Mútuos de Privatização, já usados pelo governo na venda de ações de outras estatais.

A reserva dos papéis será intermediada por uma administradora escolhida pelo investidor no próprio aplicativo da Caixa. A expectativa é que a venda do controle acionário da Eletrobras renda R$ 100 bilhões aos cofres do governo. O Modelo de privatização é semelhante ao que foi adotado na privatização da Embraer.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.