Brasil

CPI da Covid: Wajngarten diz que tentou ajudar no impasse entre Pfizer e Governo Federal

Ex-secretário de Comunicação do governo federal afirmou ainda que teve "toda liberdade possível" para comandar a pasta

Por Redação Tupi

Fabio Wajngarten (Foto: Reprodução)

Durante depoimento na CPI da Covid, o ex-secretário de Comunicação da presidência, Fabio Wajngarten negou qualquer tipo de interferência nas estratégias de comunicação do governo federal durante a pandemia. Ele afirmou que teve “toda liberdade possível” para comandar a secretaria. “Sem absolutamente nenhuma interferência de ninguém”, ressaltou ele.

O ex-secretário também revelou que o trabalho da pasta, durante a pandemia, foi técnica e objetiva, “como desde o primeiro momento (no governo)”.

Antes dos questionamentos durante a comissão, Wajngarten disse ainda que tentou ajudar no impasse da Pfizer com a união. “Quando soube em novembro do ano passado que a Pfizer endereçara uma carta ao governo brasileiro, procurei imediatamente tentar auxiliar de eventual impasse”, disse o ex-secretário.

Até o momento, já prestaram depoimento os ex-ministros da Saúde Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich, além do atual ministro, Marcelo Queiroga. O presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, também já prestou depoimento.

Vale lembrar que Fabio Wajngarten, o quinto a ser ouvido na CPI, deixou a Secretaria de Comunicação em março deste ano, após quase dois anos no cargo.



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
16 de Junho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Patrulha da Cidade
« Programa Anterior
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »