Brasil

Entenda o que fazer para obter documento de licenciamento digital 2021

Proprietários podem baixar o CRLVe, válido em todo o território nacional

Por Redação Tupi

Imagem, celular com CRLV digital
(Foto: Reprodução)

Em 2021, o licenciamento anual de veículos continua 100% digital no Estado do Rio. Os proprietários podem baixar o CRLVe, válido em todo o território nacional, em seus celulares, computadores ou tablets. Ou seja, a versão digital substituiu completamente o documento em papel moeda, antes obtido nos postos do Detran.RJ, e pode ser acessada em até cinco dispositivos eletrônicos. Quem quiser pode imprimir o documento em papel A4.

Para fazer o licenciamento e obter o CRLV digital de 2021, basta pagar a Guia de Regularização de Taxas (GRT), no valor de R$ 219,37, obtida através do site do Bradesco (www.bradesco.com.br). Por determinação do governo federal, a taxa DPVAT, referente ao licenciamento de 2021, não está sendo cobrada. Mas o proprietário precisa já ter pago o DPVAT de 2020 e dos anos anteriores, assim como a GRT dos anos anteriores.

Após a compensação das taxas, o usuário estará apto a usar o documento digital, chamado de CRLVe. Para isso, basta acessar o site do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) ou baixar no celular o aplicativo Carteira Digital de Trânsito. No aplicativo, um tutorial explica os procedimentos. O primeiro passo é se registrar no serviço “gov.br”, do governo federal.

Depois, entrar no aplicativo, fazer o login e selecionar “veículos”. Em seguida, informar o número do Renavam e o número de segurança do CRV (encontrado no antigo DUT, com 11 caracteres). Por fim, basta clicar em “incluir” e, em alguns dias após o pagamento das taxas, o CRLV digital estará disponível.

Importante ressaltar:

1. O CPF logado na Carteira Digital de Trânsito deve ser o mesmo que consta no licenciamento do veículo. Ou seja, o usuário precisa verificar se o CPF vinculado ao documento do veículo é o mesmo com o qual fez o login no site do aplicativo.

2. O usuário deve verificar a data de pagamento no comprovante da GRT, para ver se a taxa foi de fato paga ou se está agendada para outra data. Essa divergência pode ocorrer devido a uma configuração do aplicativo do banco.

3. Depois de pagar a GRT, aguarde até 15 dias úteis para o pagamento ser compensado no banco e o aplicativo reconhecer a regularização e disponibilizar o documento. Se o CRLV de 2021 não for logo disponibilizado, o usuário não precisa ficar preocupado, pois o documento de 2020 valerá até o fim do prazo para o licenciamento de 2021 – que este ano foi estendido, pelo menos, até o fim de setembro, por causa da pandemia.

4.  Para veículos movidos a GNV (Gás Natural Veicular), é exigido também o Certificado de Segurança Veicular (CSV) do ano vigente.

5. Caso aconteça de seguir os procedimentos acima e, mesmo assim, o documento não ser baixado, tente atualizar seu aplicativo da Carteira Digital de Trânsito. Faça logout e entre novamente. Ou exclua o documento anterior e repita o procedimento de atualização do app.

Não tenha pressa: o documento de 2020 é válido, pelo menos, até o fim de setembro.

O calendário para fazer o licenciamento de 2021 está dividido em quatro datas:
– Final de placa 1 a 2 => Até 30/09/2021
– Final de placa 3, 4 e 5 => Até 31/10/2021
– Final de placa 6, 7 e 8 => Até 30/11/2021
– Final de placa 9 e 0 => Até 31/12/2021



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
13 de Junho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Pedro Augusto
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
22:00 - Giro Esportivo
11:00 - Samba Social Clube
12:00 - Bola em Jogo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »