Brasil

Golpistas utilizam nome de Taís Araújo e Lázaro Ramos para aplicar golpes pelo WhatsApp

Nomes de Bruno Glagliasso, Giovanna Ewbank e Mônica Martelli já foram utilizados

Por Redação Tupi

(Foto: Jorge Bispo/ Divulgação: Instagram)

Os criminosos estão utilizando mais uma forma de aplicar golpes através do WhatsApp. Desta vez, eles usam nomes de famosos para clonar as contas dos usuários. Dessa forma, eles pegam número de telefones de pessoas que colocam os seus contatos no Instagram e verificam os artistas que as pessoas seguem.

Os golpistas ligam então supostamente em nome do artista, pedem para enviar um código e contam a história que estão dando uma super festa no Copacabana Palace, famoso hotel de luxo na Zona Sul do Rio. Ao cair no golpe, as vítimas têm as suas contas clonadas na plataforma a partir de uma tática que os golpistas pedem para realizar depósitos para terceiros, porque não estariam conseguindo fazer naquele momento, com a promessa do valor ser devolvido no final.

Vários famosos já tiveram os seus nomes usados por estes criminosos, como Taís Araújo e Lázaro Ramos, Bruno Gagliasso, Giovanna Ewbank, Mônica Martelli.

As assessorias dos artistas foram procuradas e confirmarão a notícia. “A Mônica Martelli foi a última a passar por isso. Toda vez que isso acontece nós subimos um comunicado”, disse a Trigo Comunicação, assessoria responsável pelas celebridades citadas.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
29 de Março de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Bola em Jogo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »
-->