Brasil

Justiça de SP determina que Roger Abdelmassih volte para penitenciária

Médico estuprou cerca de 37 vítimas que estavam sob efeito de sedativos

Por Redação Tupi

Foto: Agência Brasil

Nesta segunda-feira, a Justiça de São Paulo suspendeu a prisão domiciliar de Roger Abdelmassih, por suspeita de fraude nas declarações de saúde usadas como argumento para que a pena do ex-médico fosse cumprida em casa. As informações são da Globonews.

Especialista em reprodução humana, o ex-médico foi condenado a 181 anos de prisão por ter cometido 48 estupros em 37 pacientes da clínica que tinha. O criminoso cometia o ato quando as vítimas estavam sob o efeito de sedativos.

Ele tinha sido preso em 2014, e, desde 2017, cumpria prisão domiciliar, pois alegava problemas de saúde.

Comentários
enquete

Qual é o tamanho da vantagem do Flamengo na Libertadores?
Carregando ... Carregando ...

recomendadas
AO VIVO

OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
Deixe sua mensagem
    Carregando...
24 de Agosto de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »