Brasil

Lewandowski autoriza incentivo a candidato negro já em 2020

Decisão de ministro atende a um pedido feito pelo PSOL

Por Redação Tupi

(Foto: Nelson Jr. / SCO/ STF)

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STFRicardo Lewandowski determinou nesta quinta-feira (10) a divisão proporcional de recursos e propaganda eleitoral entre candidatos negros e brancos.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já tinha aprovado a divisão proporcional das verbas de campanha e propaganda em rádio e TV, em agosto. Apesar da decisão, o TSE definiu que as regras só poderiam ser aplicadas a partir de 2022.

A divisão proporcional dos recursos foi definida após consulta da deputada Benedita da Silva (PT-RJ) e de entidades do movimento negro. O ministro Lewandowski atendeu a um pedido feito pelo PSOL, que acionou o STF pedindo a aplicação imediata da nova regra.

“Para mim, não há nenhuma dúvida de que políticas públicas tendentes a incentivar a apresentação de candidaturas de pessoas negras aos cargos eletivos, nas disputas eleitorais que se travam em nosso País, prestam homenagem aos valores constitucionais da cidadania e da dignidade humana, bem como à exortação, abrigada no preâmbulo do texto magno, de construirmos, todos, uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social, livre de quaisquer formas de discriminação”, afirmou Lewandowski.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
28 de Setembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Apolinho
« Programa Anterior
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »