Brasil

Marco Aurélio Critica Fux e diz que ele jogou para a ‘turba’

Ministro diz que, se há culpados, são o Ministério Público e a Polícia Civil de São Paulo

Por Marcos Antonio de Jesus

(Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

O ministro Marco Aurélio Mello criticou a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, de mandar prender novamente o traficante André do Rap, apontado como chefe da facção criminosa que controla os presídios de São Paulo. Ele havia sido solto, horas antes por determinação do próprio magistrado, que alegou ter atuado no estrito cumprimento da lei.

De acordo com Marco Aurélio, Fux quis “jogar para a turba” e “dar circo a quem quer circo” com a prisão do traficante. Para justificar a decisão, o ministro cita um trecho do pacote anticrime, sancionado no final do ano passado, que determina que a prisão preventiva dura por 90 dias, podendo, com ato fundamentado, ser renovada.

“Ainda que André do Rap tenha sido condenado em segunda instância, o processo não transitou em julgado”, diz o ministro. Por isso, a decisão pela soltura do traficante seguiu o entendimento do STF do ano passado sobre prisão em segunda instância. Marco Aurélio diz ainda que, “se há culpados” na história, é o Ministério Público e a Polícia Civil de São Paulo, que não representaram pedindo a renovação da prisão preventiva, de forma que a manutenção seria ilegal.

A polícia suspeita que o traficante tenha fugido para o Paraguai.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
28 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Apolinho
« Programa Anterior
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »