Brasil

Militar mata mulher por achar que ela tinha caso com o ex-vizinho

O homem assassinado pelo militar era gay e tinha um relacionamento homoafetivo há mais de 5 anos

Por Redação Tupi

O militar da reserva da Aeronáutica, Juenil Bonfim de Queiroz, de 56 anos, foi detido em flagrante após matar a mulher e o ex-vizinho, na noite desta quarta-feira. A Justiça do Distrito Federal decidiu mante-lo preso por tempo indeterminado. As vítimas foram assassinadas a tiros, no prédio onde o militar é síndico.

Juenil disse que atirou na esposa e no ex-vizinho por ciúmes e por achar que eles mantinham um caso. No entanto, o homem tinha um relacionamento homoafetivo há mais de cinco anos. O companheiro dele estava presente quando as vítimas foram mortas.

Francisca Naíde de Oliveira Queiroz, de 57 anos, foi atingida por pelo menos quatro disparos, segundo a polícia, e morreu na hora. Francisco de Assis Pereira da Silva, de 41 anos, foi atingido com um tiro na cabeça. Ele chegou a ser levado para o Hospital de Base, em Brasília, mas não resistiu.

Segundo a juíza Maria Cecília Batista Campos, que julga o caso do militar, após realizar os disparos, Juenil teria tentado se justificar para o companheiro de Francisco, que também estava no apartamento.

“Tá vendo o que acontece com homem que mexe com mulher casada”, teria dito ele.

Comentários
enquete

Quem deve ser eliminado do BBB21?

Carregando ... Carregando ...


AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
12 de Abril de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Isabele Benito
« Programa Anterior
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »