Brasil

Ministro do STJ prorroga prisão do Pastor Everaldo

Benedito Gonçalves atendeu a pedido da PGR.

Por Redação Tupi

(Foto: Reprodução)

O ministro Benedito Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça, decidiu prorrogar a prisão temporária do pastor Everaldo, presidente nacional do PSC. Benedito atendeu a um pedido da Procuradoria Geral da República.

O Pastor Everaldo foi preso no dia 28 de agosto durante uma operação do Ministério Público e da Polícia Civil que levou ao afastamento do governador do Rio, Wilson Witzel, também do PSC. O Pastor foi citado na delação premiada do ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro, Edmar Santos, preso por corrupção.

Segundo a delação, o Pastor Everaldo mandava na área da saúde do governo estadual. A delegação revelou ainda que, um dia antes da Operação Placebo, que mirou Wilson Witzel, o governador repassou R$ 15 mil ao Pastor Everaldo, com receio, de que a Polícia Federal encontrasse os valores na realização das buscas.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
27 de Setembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Samba Social Clube
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Bola em Jogo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »