Brasil

Morre publicitário Solon de Castro Lucena, vítima de Covid-19

Lucena era membro do Condomínio Acionário das Emissoras e Diários Associados desde dezembro de 2007

Por Marcos Antonio de Jesus

Imagem de Solon de Castro Lucena
(Foto: Reprodução / Rede Social)

Morreu nesta quarta-feira, aos 79 anos, o publicitário Solon de Castro Lucena. Ele estava internado havia 12 dias no Hospital Memorial de Cordovil, na Zona Norte do Rio, vítima da Covid-19. Pela manhã, sofreu um infarto fulminante em decorrência de complicações da doença.

Solon Lucena, que foi diretor do Jornal do Comércio, entrou para o Condomínio Acionário das Emissoras e Diários Associados em dezembro de 2007. “Não só o Condomínio perde um companheiro correto e trabalhador, como a Rádio Tupi, de quem era um defensor da qualidade da programação”, destacou o presidente da Super Rádio Tupi, Josemar Gimenez.

Nascido na Paraíba, Solon de Castro Lucena deixa a viúva Regina Célia e dois filhos, Luis Gustavo e Érika Lucena. O corpo do publicitário vai ser cremado, nesta quinta-feira,  às 15h30, no Crematório São Francisco Xavier, no Caju,  na Zona Portuária. A cerimônia vai se restrita à família e amigos.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
17 de Setembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »