Brasil

Paulo Guedes diz ser contra reduzir salário de servidor público

Ministro expressou o desejo de congelar os aumentos no setor

Por Redação Tupi

(Foto: Reprodução/ Agência Brasil)

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que “não faz sentido macroeconomicamente” cortar salários dos funcionários públicos do país. A redução no setor público surgiu como uma das medidas para conter o coronavírus. Guedes, que já entrou em uma polêmica com o funcionalismo, se opôs a essa proposta.

A declaração foi dada durante uma videoconferência com representantes do mercado financeiro na noite de sábado. Apesar disso, Guedes expressou um desejo que desagrada a classe: “Já que o setor privado foi para o desemprego, foi para o auxílio emergencial, o funcionário público que está em casa, no isolamento, recebendo salário integral, então, pelo menos contribua com o Brasil. Quebra essa espiral de aumentos pelo menos dois, três anos”.

O ministro sugeriu que ao invés de reduzir salários e jornadas (há propostas de que isso chegue a até 50%), os servidores teriam que aceitar ficar sem aumentos por até três anos.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
03 de Agosto de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Clóvis Monteiro
« Programa Anterior
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »