Coronavírus

Principal executivo do COI não confirma mês de outubro como limite para definir data dos jogos em 2021

Declaração contradiz afirmação de do vice-presidente da entidade John Coates

Por Beto Jr

(Foto: Reprodução)

As Olimpíadas de Tóquio foram adiadas para julho de 2021, mas ainda não há garantias de que a competição vai ser realizada. Tudo depende do controle da pandemia do novo coronavírus. Na semana passada, o australiano John Coates, vice-presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), apontou outubro como um mês crucial para decidir o futuro dos Jogos. No entanto, nesta sexta-feira(29), o Comitê Organizador de Tóquio minimizou o prazo.

“Perguntamos diretamente ao Coates sobre a questão, ele nos disse que nunca usou uma palavra para “sim ou não” sobre os Jogos. Ele nunca mencionou nada como a possibilidade de decidir o futuro dos Jogos em outubro. Nunca disse que outubro será o momento em que iniciaremos a discussão detalhada. O que ele mencionou foi que continuaremos avaliando e revisando a situação no outono (do hemisfério norte). Muitas coisas ficarão claras nesse momento, incluindo o custo e muitas outras coisas sobre as quais estamos falando agora” – disse Toshiro Muto, CEO do Comitê Organizador de Tóquio.

Além de ser vice do COI, John Coates é presidente da Comissão de Coordenação do COI para as Olimpíadas de Tóquio. Ao apontar outubro como mês-chave para o futuro dos Jogos, o australiano citou o Brasil como exemplo de país em que a pandemia do coronavírus atinge números alarmantes.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
15 de Julho de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »