Brasil

Com Selic menor, Brasil vai economizar nos juros da dívida pública em 2020

Guedes discursou em seminário promovido pelo BNDES, no Rio

Por Marcos Antonio de Jesus

(Foto: Agência Brasil)

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse, nesta sexta-feira, que o país vai economizar, em 2020, R$ 96 bilhões em pagamento de juros da dívida pública, um resultado da queda da Selic. Segundo ele, isso permitirá ao governo “gastar menos e melhor”.

“As despesas de juros vão cair o equivalente a três Bolsas Família”, afirmou o ministro, em discurso em seminário sobre saneamento básico promovido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

“Ao contrário do governo anterior, em que os juros curtos caíam, mas os longos não, agora os longos começaram a descer também”, disse o ministro. Paulo Guedes começou o discurso reiterando que o grande problema do Brasil nos últimos 40 anos era o “excesso de gastos, que chegou a 45 por cento do PIB”, o que demandou ao atual governo promover reformas estruturantes.

“O controle dos gastos era, portanto, indispensável para nós e está por traz de tudo o que estamos fazendo”, acrescentou o ministro. Além das reformas em curso, Paulo Guedes lembrou a reestruturação do foco do BNDES que, segundo ele, era “uma máquina de fazer campeões mundiais” ao destinar recursos para “quem tem mais poder político e econômico”. “Ninguém pode virar campeão mundial financiado com dinheiro público”, disse o ministro.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
30 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Radar Tupi
« Programa Anterior
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »