Economia

Critérios para tarifa social serão divulgados nas contas de luz

Proposta foi sancionada pelo governador em exercício, Cláudio Castro (PSC), e publicada na edição desta quinta-feira (07) do Diário Oficial do estado

Por Redação Tupi

(Foto: Divulgação)

As concessionárias de energia elétrica estão obrigadas a divulgar amplamente nas contas dos consumidores os critérios e documentos necessários para a concessão do direito ao benefício da tarifa social. É o que determina a Lei 9171/2021, sancionada pelo governador em exercício, Cláudio Castro (PSC), e publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (7).

Para o deputado Jair Bittencourt (PP), que integrou a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Energia Elétrica na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), a lei contribui para ampliar o direito da população de baixa renda, pois durante a CPI para apuração de irregularidades verificou-se que muitos consumidores não tinham qualquer conhecimento sobre a tarifa social.

“Com a ampla divulgação, mais famílias carentes terão acesso à tarifa social, um direito que vem sendo sonegado por precariedade ou até mesmo falta de informação clara e direta nas contas de luz”, afirma Jair Bittencourt, um dos autores da Lei 9171/2021, junto com os deputados Zeidan (PT), Max Lemos (PSDB), Fábio Silva (DEM), Jorge Felippe Neto (PSD), Mônica Francisco (PSOL), Dionísio Lins (PP), Gustavo Schmidt (PSL) e o deputado licenciado Bruno Dauaire (PSC). Todos integraram a CPI da Energia Elétrica.

A Lei 12.212/2010 determina que para ter direito à tarifa social de energia elétrica é necessária a comprovação de renda mensal familiar de até três salários mínimos, além do beneficiário ter cadastro no Cadúnico.

Comentários

enquete

Você está satisfeito com o empate no primeiro fla-flu da final do Carioca?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
16 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »