Economia

FMI diz que economia mundial vai crescer menos este ano

Georgieva destacou que a epidemia do novo coronavírus representa uma "ameaça séria" à economia do mundo

Por Marcos Antonio de Jesus

(Foto: Reprodução)

 De acordo com a diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional, Kristalina Georgieva a economia global deve crescer menos em 2020. Em entrevista coletiva sobre os efeitos do novo coronavírus, ela afirmou, no entanto, que é difícil prever a profundidade do impacto da epidemia sobre o crescimento.

Georgieva destacou que a epidemia do novo coronavírus representa uma “ameaça séria” à economia do mundo. A duração da epidemia e a efetividade das respostas a ela, apontou, vão determinar o impacto sobre a economia global.

Novas projeções econômicas deverão ser apresentadas nas próximas semanas. Ao lado do FMI, David Malpass, presidente do Banco Mundial, ela, afirmou que o crescimento mais fraco vai afetar mais fortemente os países mais pobres.

Pelo menos um terço dos países membros do FMI já foram afetados pela doença, que vem causando queda na demanda por conta da maior incerteza e do comportamento mais cauteloso adotado pelas pessoas e empresa. Segundo ela, o choque provocado pelo novo coronavírus não é usual, afetando oferta e demanda e restringindo a mobilidade.

 

Comentários
enquete

Os quatro maiores clubes do Rio se sairão melhor na segunda rodada do carioca?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
05 de Março de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »