Brasil

Saques da poupança superaram depósitos em 2021, diz Banco Central

Em dezembro, os depósitos superaram os saques em R$ 7,660 bilhões

Por Marcos Antonio de Jesus

Imagem de um cofrinho de moedas
(Foto: Reprodução / Marcello Casal JR / Agência Brasil)

O Banco Central divulgou, nesta quinta-feira, que os saques na caderneta de poupança superaram os depósitos em R$ 35,47 bilhões no ano passado. De acordo com a instituição, os saques chegaram a R$ 3,445 trilhões, enquanto os depósitos chegaram a R$ 3, 410 Trilhões.

A saída líquida de recursos em 2021 representa a terceira maior da série histórica do Banco Central, inferior somente às registradas em 2015 e 2016, quando os saques superaram os depósitos em R$ 53,568 bilhões e R$ 40,702 bilhões, respectivamente. Em 2021, a poupança registrou resultado positivo (depósitos maiores que os saques) nos meses de abril, maio, junho, julho e dezembro.

Em dezembro, os depósitos superaram os saques em R$ 7,660 bilhões. De janeiro a março, houve retirada líquida de R$ 27,542 bilhões da poupança. O resultado negativo em 2021 acontece após a caderneta de poupança ter registrado em 2020 a maior entrada líquida de recursos da série histórica, iniciada em 1995.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
18 de Janeiro de 2022 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »