Conecte-se conosco

Celebridades

Marcius Melhem processa Dani Calabresa, expõe prints e pede indenização de R$ 200 mil

Ex-diretor global alega que tinha uma relação de amizade e intimidade com a artista, além de afirmar que as denúncia contra ele são "distorcidas e falaciosas"

Publicado

em

Ex-diretor global alega que tinha uma relação de amizade e intimidade com a artista, além de afirmar que as denúncia contra ele são "distorcidas e falaciosas" (Foto: Montagem/Reprodução)

Ex-diretor global alega que tinha uma relação de amizade e intimidade com a artista, além de afirmar que as denúncia contra ele são “distorcidas e falaciosas”
(Foto: Montagem/Reprodução)

O ator e diretor Marcius Melhem protocolou uma ação na Justiça de São Paulo, na última quinta-feira (14), contra a humorista Dani Calabresa, na qual pede uma indenização de R$ 200 mil por danos morais e materiais. Na petição, a defesa de Melhem menciona uma publicação do apresentador e comediante Danilo Gentili, além de expor prints de conversas com Dani sobre nudes, para tentar provar que o ex-diretor global tinha uma relação de amizade e intimidade com a artista, entre os anos de 2017 e 2019.

“O tom jocoso e íntimo era constante no tratamento entre ambos. Entre autor (Marcius Melhem) e ré (Dani Calabresa) eram comuns as brincadeiras, inclusive de natureza sexual. Mas nada aí havia de constrangedor, abusivo ou imposto”, alega os advogados de Melhem, em um trecho do documento de 61 páginas que veio a público em matéria do site Notícias da TV.

A defesa do ex-diretor global usou um print de 1º de junho de 2017 para basear a argumentação. Nele, Melhem responde a uma mensagem de agradecimento mandada por Dani da seguinte forma: “Te amo sem você me mandar um nude, olha que puro. É nosso!”. “Eu sou eternamente grato por confiar em mim. E vou te fazer muito feliz ainda na Globo. Tá só começando”, disse ele na sequência.

Dani, por sua vez, respondeu com uma gargalhada e comentou a brincadeira sobre o nude: “Mostrei sem você pedir”. “Mostrou e eu lembro de cada detalhe”, completou Melhem. De acordo com a defesa do ex-diretor global, um mês antes desta conversa, os dois estiveram presentes em uma festa na casa do diretor Mauro Farias. O “mostrar” falado nas mensagens seria referente a esta ocasião.

Já em outro print, da data de 29 de junho de 2017, Dani aparece mandando uma mensagem para Melhem em que diz ser fã do ator e roteirista. Ele agradece, volta a mencionar os nudes e chama a humorista de “talentosa e gostosa”.

“Ilustrativo desse tratamento íntimo e consensual, é a seguinte manifestação de Daniella, de 1º de junho de 2017, a propósito de ‘nudes’ mostrados ao autor em uma festa ocorrida no mês anterior na casa do diretor Mauro Farias’ mostrados ao autor em uma festa ocorrida no mês anterior na casa do diretor Mauro Farias ‘mostrei sem você pedir’. As manifestações do autor classificando Daniella como ‘talentosa e gostosa’, faziam-se igualmente nesse contexto”, alega a defesa de Melhem.

A menção a Danilo Gentili no processo ocorre quando a defesa de Melhem usa uma mensagem do contratado do SBT nas redes sociais, na qual ele diz já saber de “todos os detalhes que ela (Dani) revelou na Revista Piauí”. “Veja-se que igualmente não se pronunciou após a postagem de Danilo Gentili, amigo íntimo da Daniella, o que confirmaria que fora ela, a ré, quem fornecera a narrativa distorcida e falaciosa, divulgando por meio da mídia a existência de assédio por parte do autor”, afirma os advogados.

Além dos R$ 200 mil por danos morais, o ator e humorista pede que Dani Calabresa pague as sessões de terapia, feitas por ele, depois do caso vir a público. A petição também exige uma retratação pública da humorista, em todas as suas mídias sociais.

Até o momento, nem Dani Calabresa e nem a defesa da artista se pronunciaram publicamente acerca da ação protocolada por Marcius Melhem.

Veja os prints anexados na ação de Marcius Melhem:

(Foto: Reprodução)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *