Celebridades

Claudia Raia revela que a mãe pediu para desistir do casamento com Frota

Atriz contou outros detalhes da relação no livro de memórias

Por Redação Tupi

(Foto: Reprodução)

Claudia Raia vai lançar, no próximo mês, um livro de memórias, chamado “Sempre Raia um Novo Dia”. Nas 256 páginas do livro, que reúnem episódios e fases marcantes da vida da atriz, a artista fez revelações sobre o casamento com Alexandre Frota.

Os dois começaram a namorar em 1986, se casaram no mesmo ano e, em 1989 se separaram de forma conturbada, quando ele pediu divórcio.

Segundo Raia, na ocasião a própria mãe, Odette Maria, chegou a pedir para que ela desistisse do casamento na porta da igreja da Candelária, no Rio.

Veja abaixo um trecho do livro:

“Nunca traí Alexandre, nunca fiz nada para destruir meu casamento. Ao contrário, sempre acreditei na nossa união e sonhava em reproduzir o modelo dos meus pais, tanto que fiz questão de um véu gigante e uma festa pomposa, exatamente para imitar o casamento de minha mãe, que tinha parado a cidade de Campinas. Eu queria um casamento feliz, amoroso, com filhos, do tipo ‘até que a morte os separe’. Mas Alexandre era um mulherengo compulsivo, e eu estava cansada de ouvir alertas de amigos e amigas sobre suas traições. Quando minha mãe me parou, na porta de entrada da igreja da Candelária, no dia do meu casamento com ele, e disse ‘não case com esse homem’, ela já devia ter conhecimento disso, pois, como descobri anos mais tarde, ela havia contratado um detetive para saber da vida de Alexandre. Apesar de tudo isso, foi ele quem pediu a separação, o que deu um nó na minha cabeça. Foi uma frustração gigantesca ver, aos 22 anos de idade, meu castelinho de sonhos desmoronando, uma sensação horrível de fracasso”, revela

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
04 de Dezembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Radar Tupi
« Programa Anterior
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »