Celebridades

Maria Zilda Bethlem afirma que “passou a régua” durante a sua juventude

Atriz disse que "comeu todo mundo" em cidades por onde passou, entre homens e mulheres

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

A atriz Maria Zilda Bethlem, que já foi uma das mulheres mais desejadas da sua geração, afirmou que aproveitou bem a sua juventude e que nunca viu problema em ser atraente, durante uma entrevista para o blog de Pedro Sampaio, o UOL.

“Imagine, eu aproveitava! Exercitei muito minha sedução. Comi toda a cidade do Rio, a de São Paulo, Nova York e Paris. Passava a régua!”, afirmou.

Maria Zilda teve o seu talento, beleza e charme reconhecidos quando participou da novela “Guerra do Sexos”, em 1983.

Na trama, ela viveu Vânia e o personagem Bimbo, interpretado por Paulo Autran, a chamava de ‘belas pernas’ e a partir daí as pessoas começaram a notá-la. “Aí, pronto, as pessoas começaram a reparar nas minhas pernas.”

Com o sex appeal aguçado, Maria Rita começou a viver a vida de solteira intensamente e “pegar” homens e mulheres: “Tudo”, disse. “Eu olhava e dizia: ‘Você!”‘

A atriz já foi casada com o diretor Roberto Talma e também com uma arquiteta 20 anos mais nova, Ana Kalil. Para ela, o relacionamento é menos sexual do que com homem, depois de uma certa idade.

“As mulheres mais velhas têm mais necessidade de ter uma companheira, para fazer compras, pra viajar, pra ir ao teatro.”, explica.

Ainda segundo a atriz, após o término da relação com Ana ela ainda não conseguiu engatar um novo relacionamento: “Quando eu olho para uma pessoa, é como se estivesse olhando para um vaso, um abajur, uma poltrona.”

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
24 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show da Galera
« Programa Anterior
17:00 - Super Futebol Tupi
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »