Celebridades

“Não sabia que ele era violento”, diz vizinho de suspeito de ter matado ator Rafael Miguel

Vizinho contou que foram muitos tiros disparados: "Parecia arma automática"

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

Em entrevista ao portal UOL, o vizinho de Paulo Cupertino, suspeito de ter matado o ator e genro Rafael Miguel e seus pais, relatou que muitos tiros foram disparados. José Marques, de 69 anos, mora na rua onde aconteceu o crime há quatro décadas, e contou que no momento do tiroteio estava reunido com a família.

“Estávamos fazendo um churrasco quando ouvi um tiroteio. O pessoal pensou que era bombinha, mas falei: ‘Corre pra dentro’. Parecia arma automática porque foram vários tiros seguido. Tinha uma pessoa que gritava muito, acredito que fosse a namorada”, contou ao portal.

De acordo com o vizinho, Paulo era uma pessoa reservada. “Era uma pessoa normal para mim, bem reservada. Não sabia que ele era violento”, explica.

O caso aconteceu na tarde deste domingo, quando Rafael Miguel foi com seus pais até a casa da namorada, com quem pretendia se casar, conversar sobre o relacionamento com os sogros.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
31 de Março de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »
-->