Esportes

50 anos do tri! Relembre a trajetória e escute todos os gols da campanha histórica

Neste dia, o Brasil, com a considerada "melhor seleção de todos os tempos", conquistava a Copa do Mundo de 1970, após uma vitória por 4 a 1 em cima da Itália

Por Bruno Almeida

(Foto: Reprodução)

Há exatamente 50 anos, o Brasil vencia a Itália por 4 a 1 e conquistava a Copa do Mundo de 1970. O time, comandado por Pelé, Jairzinho, Gérson, Tostão, Rivelino, Clodoaldo, Carlos Alberto e tantos outros craques, venceu as 6 partidas disputadas e entrou para a história como a melhor seleção de todos tempos, pelo lindo e ofensivo futebol jogado, além da reunião de talentos.

O título consagrou muitas pessoas também. A seleção entrou desacreditada por muitos, devido a eliminação na primeira fase da Copa de 66 e alguns problemas internos, como a troca de João Saldanha para Zagallo no comando técnico da equipe, no ano do torneio. O próprio Pelé era uma dúvida, pois algumas pessoas diziam que ele não era o craque de antes. Outros achavam impossível atuar com tantos “camisas 10” em campo. Não podiam estar mais enganados.

Aos 29 anos, Pelé provou que ainda era o Rei. Foi a grande referência técnica da seleção, marcou 4 gols, protagonizou lances históricos e foi eleito o melhor jogador do torneio. Jairzinho, por sua vez, fez uma marca que até hoje ninguém conseguiu igualar. O “Furacão da Copa” é o único atleta da história a marcar em todas as partidas do torneio. Ao todo, foram 7 gols em 6 jogos.

Zagallo, por sua vez, conseguiu montar um esquema em que todos os “camisas 10” estiveram em campo e, inclusive, renderam muito bem. Todos os jogadores do meio para frente – Clodoaldo, Gérson, Jairzinho, Rivelino, Pelé e Tostão -, marcaram ao menos 1 gol na competição.

A campanha

A campanha do título começou da mesma forma que terminou: uma goleada de 4 a 1. Rivelino, Pelé e Jairzinho (duas vezes), marcaram na vitória em cima da Tchecoslováquia. A partida seguinte foi a mais complicada do torneio. O furacão da Copa fez o gol da vitória de 1 a 0 sobre a Inglaterra, então atual campeã, no jogo que ficou marcado pela defesa de Gordon Banks na cabeçada de Pelé, para muitos a maior de todos os tempos.

Na última partida da fase de grupos, o Brasil venceu a Romênia por 3 a 2, com dois gols do Rei e um de Jairzinho. Nas quartas de final, a seleção enfrentou o Peru, que tinha o brasileiro bicampeão mundial, Didi, como treinador. Mas, não deu para os peruanos. Com um gol de Rivelino, dois de Tostão e um de Jairzinho, a equipe venceu por 4 a 2 e se classificou.

O Uruguai, carrasco do Brasil em 1950, abriu o placar na semifinal, aos 19 minutos. Foi então que a seleção mostrou poder de reação e espantou os fantasmas do passado. Clodoaldo empatou aos 44 do primeiro tempo, Jairzinho virou aos 31 da segunda etapa e Rivelino, aos 44 minutos, botou números finais ao jogo, garantindo a vitória por 3 a 1 e a classificação para a final.

Na decisão, aos 18 minutos, Rivelino cruzou na área, Pelé subiu mais que o zagueiro e abriu o placar, com linda cabeçada, forte, no canto. A Itália empatou e o jogo foi para o intervalo com 1 a 1. Mas, aos 21 do segundo tempo, Gérson mostrou o porque de ter o apelido de “Canhotinha de ouro” e, após chute forte de esquerda de fora da área, desempatou para a seleção. Cinco minutos depois, o “Canhota” deu um lançamento, da altura do círculo central, para Pelé, dentro da área. O rei escorou de cabeça e Jairzinho ampliou o placar.

Então, aos 41 minutos, o gol mais simbólico da Copa e que exemplifica esta histórica seleção brasileira: força coletiva e talento individual. Clodoaldo pegou a bola no meio de campo, driblou 4 marcadores e passou para Rivelino. O camisa 11 lançou para Jairzinho na esquerda. O furacão cortou um defensor e passou para Pelé no meio, na intermediária. O rei viu Tostão apontando para direita, onde tinha um buraco deixado justamente pela movimentação de Jairzinho, e, então, rolou para Carlos Alberto, que vinha correndo de trás. O capitão do time chutou de primeira, com força e estufou as redes, garantindo o 4 a 1 e o título histórico.

Ouça todos os gols do Brasil na campanha, com a narração original da Super Rádio Tupi!

Brasil 4 x 1 Tchecoslováquia

Ouça o primeiro gol!

Ouça o segundo gol!

Ouça o terceiro gol!

Ouça o quarto gol!

Brasil x Inglaterra

Ouça o gol da vitória!

Brasil x Romênia

Ouça o primeiro gol!

Ouça o segundo gol!

Ouça o terceiro gol!

Brasil x Peru

Ouça o primeiro gol!

Ouça o segundo gol!

Ouça o terceiro gol!

Ouça o quarto gol!

 

Brasil x Uruguai

Ouça o primeiro gol!

Ouça o segundo gol!

Ouça o terceiro gol!

 

Brasil x Itália

Ouça o primeiro gol!

Ouça o segundo gol!

Ouça o terceiro gol!

Ouça o quarto gol!

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
27 de Novembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Clóvis Monteiro
« Programa Anterior
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »