Esportes

‘Ano que vem o torcedor vai cobrar coisa maior’, diz Luxemburgo após empate

Vasco fez sua última partida no Brasileirão e cedeu empate no final para a Chapecoense

Por Redação Tupi

A torcida do Vasco lotou o Maracanã, mas não viu a entrega do time em campo. O cruzmaltino cedeu o empate para a Chapecoense no apagar das luzes. O técnico Vanderlei Luxemburgo concedeu entrevista coletiva e afirmou que a torcida espera por jogadores novos ano que vem, assim como ele.

“A torcida do Vasco deu demonstração de que entendeu a nossa proposta. Voltou a autoestima da torcida. 170 mil novos sócios. Hoje quase batendo recorde no estádio. No jogo, a proposta da Chape era defender, a nossa era atacar. Eles acharam um gol no finalzinho”, disse Luxemburgo.

“Ela está caminhando normal, como tem que caminhar. O planejamento para o próximo ano é independente de eu continuar ou não”, afirmou sobre a renovação.

“Eu quero continuar, o presidente quer que eu continue. Mas tem uma série de coisas. Eu não vou falar de percentual. Eu tenho que fazer o meu trabalho: planejar o ano seguinte e entregar para a diretoria. Minha negociação segue naturalmente”, continuou Luxemburgo.

“O mundo hoje é diferente. A relação de vestiário é diferente. Eu me ajustei a este novo momento. Agradecer aos jogadores por me darem oportunidade de viver um momento diferente e aprender com eles essa relação nova. Mas sem perder minha raiz”, disse ele.

“O Vasco tem que aproveitar esse timing. A torcida cobrou jogadores e vai cobrar ano que vem coisa melhor. Ano que vem o torcedor vai cobrar coisa maior”, frisou Luxemburgo.

“Acho que a torcida abraçou o time, e o time correspondeu. Os jogadores tecnicamente podiam não ser a melhor equipe do Brasil, mas lutaram. O Vasco tem que prestar atenção. O que faz ter 170 mil sócios chama-se time de futebol”, afirmou o técnico.

“Ter uma grande equipe requer sacrifícios. Investimento de risco, dentro de uma responsabilidade. Se tiver estrutura e investir com risco numa coisa que pode ser boa, tem que ser um cara do ramo”, completou ele.

“Não podemos errar. Tivemos o timing do Guarín agora. Chegou gordo, fora de forma, mas com uma pré-temporada vai evoluir. Para a equipe que queremos, queremos mais Guarín. Sem perder a responsabilidade que o presidente tem”, concluiu Luxemburgo.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »