Esportes

Em cerimônia, dupla Fla-Flu oficializa acordo para administrar Maracanã, mas Witzel ressalta: “Contrato é com Flamengo”

Governador do Rio, Wilson Witzel, também criticou a postura do presidente do Vasco, Alexandre Campello

Por: Redação Tupi 
Foto: Reprodução

Em uma cerimônia no Salão Nobre do Palácio da Guanabara, sede do Governo do Estado do Rio, o Flamengo assinou o contrato para assumir a gestão do Maracanã, em parceria com o Fluminense, na tarde desta sexta-feira. Além dos presidentes dos clubes cariocas, o governador Wilson Witzel também participou do evento.

A partir do próximo dia 19, Fla-Flu serão os gestores do estádio pelos próximos seis meses. O acordo foi firmado apenas no nome do Flamengo. O Fluminense será o interveniente por não ter as certidões negativas de débito (CND).

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, ressaltou que o contrato é com o Flamengo e o clube que será cobrado. Além disso, ele criticou a postura do Vasco, que afirmou que não jogará no estádio enquanto a dupla for gestora.

“O contrato é com o Flamengo. Se ele vai decidir com o Fluminense as decisões, isso é problema deles. Vou cobrar é o Flamengo. Lamentável, poderia ter participado, não participou porque não quis. Quando ainda estava no tribunal, a gente chamava isso de “news esperneante”, ou seja, o sujeito não participou, teve reflexos negativos e agora está esperneando. Não é um papel que se espera de um dirigente de clube. O gestor é o Flamengo. Mas Vasco e Botafogo têm oportunidade de participar, de trocar ideias… Só que ele não participou do processo de permissão apresentando uma proposta de gestão. Aí depois ficou reclamando, uma postura, do meu ponto de vista, absolutamente lamentável”, finalizou Witzel.

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, garantiu o compromisso com o Fluminense de gerir o Maracanã de forma conjunta e agradeceu o apoio do governador Wilson Witzel.

“Existe um acordo entre Flamengo e Fluminense de fazer a gestão de forma conjunta, dividindo custos, tudo isso. Por uma questão transitória desse momento, o Fluminense não pode participar, por isso no formalismo o governador colocou o que está escrito no papel. Mas existe sem dúvida alguma um compromisso do Flamengo que ele vai honrar junto do Fluminense de estarmos juntos administrando o Maracanã. Essa foi uma conversa que começou quando estive com o governador logo após ele ter sido eleito. Esperava que fosse por cinco minutos, mas quando ele começou a ouvir o que estava falando passou uma hora e meia me dando atenção, procurando detalhes. A preocupação que ele teve com esse tipo de problema que rapidamente teve sensibilidade de enxergar, e as coisas foram se desenrolando ao longo do tempo”, afirmou o presidente Rubro-Negro.

Pedro Abad, presidente do Fluminense, destacou que as portas do Maracanã estão abertas para que outros clubes possam atuar no estádio, com custos menores do que o atual.

“Momento histórico onde duas instituições centenárias, de rivalidade, em 36 horas conseguiram modelar uma parceria sem nenhum tipo de interesse acima daquilo que é razoável. Nosso parceiro Flamengo sempre atuou em conjunto, sem nenhum tipo de visão pessoal acima do clube. E não só Flamengo e Fluminense, mas Botafogo e Vasco também estão mais que convidados, também construíram a história do estádio, a gente prevê a participação deles. Estamos reduzindo custos, com valor do aluguel muito mais baixo, e temos certeza que vamos oferecer uma opção muto mais barata, eficiente de protagonizar o seu jogo”, finalizou o presidente do Fluminense.

enquete

Você acha futebol chato ou emocionante?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »