Esportes

Familiares de Samuel fazem manifestação no Ninho do Urubu para lembrar das vítimas da tragédia no Ninho

Gesto não tem relação com as negociações envolvendo as indenizações

Por Redação Tupi

Foto: Arquivo pessoal

Apesar de toda euforia e ansiedade por conta dos títulos do Campeonato Brasileiro e da Libertadores, o Flamengo também tem motivos para se entristecer. Isso por que familiares Samuel Thomas Rosa, um dos garotos que faleceram no incêndio no Ninho do Urubu, em fevereiro deste ano, fizeram uma manifestação na entrada do CT na manhã desta segunda-feira (18).

Milton, Moisés e Caíque saíram de São João de Meriti às 05h30 com um banner, contendo as fotos do jovem Samuel e também de Esmério, outro jovem que faleceu na tragédia. Segundo Milton Rodrigues de Souza, tio de Samuel, a ideia não teve relação com as negociações pela indenização, mas sim lembrar das vítimas da tragédia.

“Meu objetivo não é dinheiro aqui, é lembrança. Que o Flamengo se manifeste em termos de homenagens. Podiam pensar em colocar as fotos dos meninos aqui no muro do Ninho, por exemplo.” – disse.

“A gente pede lembrança desses meninos, e lembrar não custa nada. Dia de Finados passou agora, e o Flamengo não deu uma flor para as mães. O clube pode esquecer, mas a gente não.” – completou Milton.

Arthur, Athila, Bernardo, Christian, Gedson, Jorge, Pablo, Rykelmo, Samuel e Vitor, todos entre 14 e 16 anos, faleceram no incêndio em um dos alojamentos do Ninho do Urubu, em fevereiro deste ano. O Flamengo entrou em acordo com quatro das dez famílias e segue negociando com as outras. No caso do Samuel, os familiares são representados pela Defensoria Pública do Rio de Janeiro.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
09 de Dezembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Apolinho
« Programa Anterior
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »