Esportes

Para Jorge Jesus, o empate foi justo, e o VAR precisa ser revisado

Técnico reclamou da demora do VAR e disse que isso tem que ser revisto

Por Wesley Ramon

Após empate por 1 a 1 contra o Corinthians, o técnico do Flamengo, Jorge Jesus, concedeu uma entrevista coletiva e falou sobre o jogo. O treinador reclamou da demora do VAR e disse que isso tem que ser revisto.

O Flamengo foi até a Arena Corinthians e conseguiu arrancar um empate por 1 a 1. Em jogo que os rubro-negros entraram pressionados pelas manifestações da torcida, ainda no embarque para São Paulo, o Flamengo saiu com um ponto somado e se mantém na busca pelo título do Campeonato Brasileiro. O comandante rubro-negro disse que foi um grande jogo e que o resultado foi justo.

“Foi um grande jogo, duas grandes equipes, difícil para ambas as equipes arranjar oportunidades de gol. Adorei esse jogo no ponto de vista da parte técnica. O resultado acaba sendo justo.Todo o risco que eu fiz nos últimos 15 minutos e fomos compensados por isso”.

Jorge Jesus falou sobre a demora do VAR e que isso tem que ser revisto pelas entidades.

“Acho que tem que ser feito uns ajustes em relação ao VAR, e tem que começar a vir pelos treinadores. Vou dizer o que eu penso sobre o VAR. Ele só deve atuar na última e na penúltima decisão do VAR. Não é aquelas decisões que foram há 30 segundos atrás na grande área do adversário.Isso tem que ser alterado”.

Ao ser perguntado sobre o protesto da torcida no embarque para São Paulo, Jesus achou estranho o que aconteceu

“Achamos tudo estranho o que aconteceu, não havia justificativa. Fomos eliminados nas penalidades, mas passou. O Diego demonstrou o quanto é bom jogador, o grande capitão que é. No jogo, tinha sido o melhor jogador. Eu não fui dar satisfação, só pedi que respeitassem. Para gostar o clube, tem que gostar dos jogadores. Não há time sem jogadores. Estas decisões não sei se são comuns no Brasil. No campo, xinguem, fora do palco acabou”.

O treinador elogiou o meio campo Diego, e defendeu o jogador sobre o pênalti perdido contra o Athlético-PR.

“Diego mostrou o quanto é bom jogador, o grande capitão que é. No jogo, tinha sido o melhor. Disseram que os jogadores não queriam descer do ônibus, aí que fui lá falar. Qualquer grande jogador pode falhar nos pênaltis. Pelé, Maradona”.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
21 de Fevereiro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Antônio Carlos
« Programa Anterior
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »