Esportes

Jogadores do Fluminense decidiram não se concentrar para o jogo contra o Fortaleza

Na reunião com o diretor executivo Paulo Angioni e comissão técnica os jogadores cobraram salários atrasados

Por Sérgio Guimarães

 

Foto: Lucas Merçon/Fluminense

Depois do Fluminense ter garantido a sua permanência na Série A em 2020, sendo beneficiado pela vitória do Vasco sobre o Cruzeiro, nesta terça-feira, o tricolor passou por momentos de tensão antes do treino que foi realizado no CT Carlos Castilho.

Os jogadores se reuniram com o diretor executivo Paulo Angioni e a comissão técnica liderada pelo Marcão. Os jogadores demostraram uma insatisfação com os salários atrasados.

O clube se não pagar alguma coisa antes da sexta-feira, vai completar  o terceiro mês de atraso com os jogadores e funcionários. O clube deve os salários de setembro, outubro e pode também dever o de novembro.

Os jogadores decidiram que não vão se concentrar para a partida contra o Fortaleza, desta quarta-feira (04.12), eles irão dormir em casa e se apresentam a partir das 11h, no hotel que serve de concentração da equipe e de lá seguirão para o Maracanã.

O presidente Mário Bittencourt desde que assumiu o clube pagou os salários de abril, maio, junho, julho e agosto, além do 13° salário de 2018. Recentemente também utilizou R$1,4 milhões de reais, para pagar funcionários, alguns bichos atrasados para os jogadores e direitos de imagem.

O Fluminense entra em campo nesta quarta-feira, às 21: 30h, para enfrentar o Fortaleza, e tem como objetivo conseguir a vitória para garantir uma das vagas para a Copa Sul-americana de 2020.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
04 de Dezembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Patrulha da Cidade
« Programa Anterior
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »