Destaques

No maior clássico das Américas, Brasil empata com a Argentina sem Neymar e com erro de arbitragem pelas Eliminatórias

Seleção de Tite, porém, segue bem na liderança isolada do torneio, com 35 pontos

Por Redação Tupi

Brasil e Argentina ficam no 0 a 0, em San Juan,pelas Eliminatórias da Copa do Mundo
(Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Não saiu do zero! Em jogo bastante agitado e cheio de reviravoltas, o Brasil, sem Neymar, que ficou de fora por conta de desconforto muscular na coxa esquerda, tentou, mas pecou nas finalizações e ficou apenas no 0 a 0 com a Argentina, nesta terça-feira (16), no Estádio Bicentenário, na cidade de San Juan, pela 14ª rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, no Catar, para a qual a Canarinha já está classificada matematicamente. O confronto ainda teve um erro de arbitragem: isso porque Otamendi deu uma cotovelada em Raphinha, próximo à linha de fundo, e juiz sequer assinalou falta. Fabinho e Lucas Paquetá tomaram o terceiro cartão amarelo e desfalcam a Canarinha no compromisso seguinte, diante do Equador, em Quito.

O primeiro tempo do maior clássico do continente foi bem aberto e muito movimentado, com algumas boas jogadas construídas por ambas as equipes. Por atuar com o apoio dos seus torcedores, que preencheram quase totalmente as arquibancadas para assistir ao duelo, os donos da casa começaram melhor e adotando uma postura de marcação alta, o que contribuiu para dificultar a saída de bola da Amarelinha. Depois dos minutos iniciais, o time de Tite melhorou e passou a controlar a posse, desperdiçando chances importantes, principalmente com Vinicius Júnior, Raphinha e Matheus Cunha. O centroavante, inclusive, por pouco não balançou a rede ao tentar encobrir Martínez.

A partir daí, por volta da metade da etapa, o domínio das ações igualou-se e tanto o Brasil quanto a Argentina ofereceram perigo às metas adversárias, dando trabalho a Alisson e Martínez. Apesar disso, um lance em específico marcou negativamente o confronto: aos 33, Raphinha fez fila na defesa, passou lindamente pela linha de fundo, porém, acabou sendo desarmado. Na sequência, entretanto, Otamendi, ao tomar a frente do jogador do Leeds United, deixou o cotovelo na boca do brasileiro. No mesmo instante, o camisa 19 mostrou ao árbitro o sangue escorrendo pelas mãos e, consequentemente, pelo uniforme.

Após o intervalo, o panorama da partida não mudou e as possibilidades de inaugurar a contagem continuaram surgindo de ambos os lados, apesar da pouca eficácia nas finalizações em direção à baliza. A conclusão mais próxima de abrir o placar veio justamente com forte chute de Fred, aos 14. Após cruzamento na área afastado pela zaga, o volante pegou a sobra, dominou no peito perto da meia-lua e arriscou, sem deixar quicar, uma bomba no travessão. Depois de um período sem tantas emoções, já aos 44, no apagar das luzes, Messi, enfim, armou fez boa jogada individual, limpou os zagueiros e arrematou de canhota, mandando direto nas mãos de Alisson, que defendeu em dois tempos e decretou o empate sem gols no Estádio Bicentenário.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
24 de Novembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Francisco Barbosa
« Programa Anterior
12:00 - Patrulha da Cidade
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »