Botafogo

Por episódio de racismo na partida contra o Botafogo, Juventude será denunciado pelo STJD

Gustavo Bochecha estava no banco de reservas quando ouviu um torcedor do time adversário gritar "macaco"

Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Por episódio de racismo na partida contra o Botafogo, o Juventude será denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O órgão já ouviu partes envolvidas no caso. Na ocasição, o volante alvinegro Gustavo Bochecha foi vítima de um insulto racista de um torcedor do time gaúcho presente nas arquibancadas. A informação foi divulgada pelo “Observatório da Discriminação Racial no Futebol”.
Gustavo Bochecha estava no banco de reservas quando ouviu um torcedor do time adversário gritar “macaco”. O suspeito foi identificado e retirado pela polícia do estádio. Ele foi encaminhado para o Juizado Especial Criminal (Jecrim) do Alfredo Jaconi para registro da ocorrência.
A denúncia prevê suspensão mínima de 720 dias ao torcedor. Já o Juventude está sujeito a uma multa que varia entre R$ 100 a R$ 100 mil. O STJD também avalia dois outros casos de racismo. Na partida entre Criciúma e Chapecoense, pela Copa do Brasil, e no jogo entre Grêmio e Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro.
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
01 de Dezembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Patrulha da Cidade
« Programa Anterior
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »