Destaques

VAI VAI MALVADÃO! Alison Santos fica com o bronze na final dos 400m com barreiras

Esperança de medalha para o Brasil, Piu, como é chamado, fez dancinha na comemoração, como prometido

Por Redação Tupi

Alison fica em terceiro e conquista bronze para o Brasil
Foto: Wander Roberto/COB

O Brasil conquistou na madrugada desta terça-feira (03) a sua sexta medalha de bronze nos Jogos de Tóquio. Nos 400m com barreiras, Alison dos Santos, o Piu, fez um tempo de 46s72 e chegou na terceira colocação. Foi a primeira medalha brasileira no atletismo nesta edição dos Jogo – a 18ª do país do país na modalidade em todos os tempos.

O ouro ficou om o norueguês Karsten Warholm, com novo recorde mundial (45s94). A prata acabou com o norte-americano Rai Benjamin (46s17). Depois de ter confirmada a medalha, o brasileiro se emocionou e desfilou pelo Estádio Olímpico com a bandeira brasileira.

A marca feita por Piu é, simplesmente, a quarta mais rápida de todos os tempos, inferior apenas aos tempos dos dois primeiros colocados nesta terça-feira a ao recorde mundial anterior de Warholm (46s70). A marca, inclusive, se tornou o novo recorde sul-americano.

Na comemoração, o atleta novamente fez suas danças, que chamaram a atenção ao longo de todo evento. A tranquilidade do brasileiro foi a grande arma para conquistar uma medalha olímpica. Carismático, Alison chamou a atenção e confirmou o favoritismo por medalha.

Nascido em São Joaquim da Barra, interior de São Paulo, o corredor chama a atenção à primeira vista por carregar consigo uma grande cicatriz na cabeça e outras um pouco menores no peito e no braço esquerdo. As marcas são o resultado de um acidente doméstico com uma panela de óleo quente aos 10 meses de idade.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
17 de Setembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »