Esportes

Campello não acredita em perda de pontos por escalação irregular: ‘Vasco não é a Portuguesa’

Presidente cruzmaltino comentou o caso do atacante Clayton

Por Redação Tupi

Presidente cruzmaltino comentou o caso do atacante Clayton
(Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

Em entrevista ao site Globo Esporte, o presidente do Vasco, Alexandre Campello, comentou o caso do atacante Clayton, que teria sido escalado de maneira irregular em oito jogos da equipe cruzmaltina. De acordo com o dirigente, apesar dos rumores de que o clube carioca poderia ser punido pelo Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) com a perda de pontos, essa possibilidade não procede.

“Do ponto de vista jurídico, nós não temos a menor dúvida de que não existe qualquer irregularidade. Isso me parece muito mais uma tentativa de virada de mesa de quem corre o risco de cair. E virada de mesa é algo que não cabe mais nos dias de hoje. Além do que, o Vasco não é a Portuguesa”, declarou Campello.

O Regulamento Geral de Competições (RGC) da CBF veta que um mesmo jogador atue por três clubes diferentes em um mesmo ano. No caso de Clayton, o atleta do Atlético Mineiro começou a temporada sendo emprestado para o Bahia, onde foi relacionado duas vezes, mas entrou em campo em apenas uma partida. Em agosto, retornou ao clube mineiro e foi relacionado duas vezes, porém não chegou a jogar. Em seguida, foi novamente emprestado, dessa vez ao Vasco da Gama, no qual entrou em sete confrontos.

A questão seria se configuraria como “atuação” os dois jogos em que ficou no banco do Atlético-MG, sem entrar no campo. Atualmente, o Vasco ocupa a décima posição na tabela do Campeonato Brasileiro, com 44 pontos.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
11 de Dezembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Pedro Augusto
« Programa Anterior
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »