Esportes

Felipe Ferreira é apresentado e diz: “Não tinha como rejeitar o Vasco”

Meia foi apresentando na manhã desta terça-feira e já se diz pronto para jogar contra o Atlético-MG.

Por Redação Tupi

Foto: Carlos Gregorio/Vasco

De casa nova, o meia Felipe Ferreira foi apresentado como novo jogador do Vasco na manhã desta terça-feira, no CT do Almirante. Após uma negociação complicada envolvendo e finalizada no último dia de inscrição, o destaque do CRB agora faz parte do cruz-maltino. Na sua chegada, Felipe se mostrou ansioso e já se colocou a disposição para atuar contra o Atlético-MG, nesta quarta-feira.

O Vasco só conseguiu inscrever Felipe no limite do prazo da CBF. Isso porque, apesar de já estar apalavrado, o jogador precisava da liberação do CRB, e só conseguiu na justiça.

“Os últimos dias foram bem tensos para tudo finalizar. Havia uma cláusula no contrato, não achamos que seria tão complicado quanto foi. Não tinha como rejeitar o Vasco. Não tem o que falar do tamanho desse clube. Não pensei duas vezes, bati o pé que queria vir para cá. Só queria que tudo terminasse da melhor maneira, porque não poderia perder uma oportunidade como essa”.

Felipe já atuava com regularidade no CRB, e por isso se diz pronto para atuar.

“Eu já vinha numa sequência boa de jogos. Estou à disposição, vou treinar. Se o professor achar que pode contar comigo, eu estou à disposição”.

Apesar da negociação for considerada difícil, Felipe estava torcendo para que tudo ocorresse bem, pois não queria deixar a oportunidade de atuar no Vasco passar.

“Eu entendo a parte do CRB, como a gente vinha fazia um grande campeonato, eu vinha tendo papel importante da equipe. Só queria que tudo terminasse da melhor maneira, porque não poderia perder uma oportunidade como essa. Com o tempo, todo mundo vai ficar mais tranquilo”.

Confira outras respostas de Felipe Ferreira.

Onde pode atuar

“Eu venho jogando mais pelo outro lado, mas também posso atuar pela esquerda. Jogo por dentro, consigo fazer bem as funções da frente. Se a gente ficar sem o Talles, a gente vai sentir, mas eu estou aqui para dar esse auxílio, mais uma opção para o Vanderlei. Espero atender todas as expectativas e ajudar o Vasco”.

Conhecidos no time

“Conhecia o Werley e o Fellipe Bastos, trabalhei com eles no Grêmio. Me deixaram bem à vontade. Só tenho a agradecer a eles pelo aporte nesse primeiro dia”.

Comentários
enquete

Amor eterno existe ou homem se casa por acomodação?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
22 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »