Internacional

Filantropo francês deixa parte da herança para 50 gatos que vivem em museu

Aproximadamente 50 gatos vivem no famoso museu que abriga 3 milhões de obras de arte, artefatos e esculturas espalhados por edifícios

Por Redação Tupi

(Foto: Reprodução)

Um filantropo francês, que não teve a identidade divulgada, deixou uma quantia em dinheiro para alguns beneficiários incomuns, um grupo de gatos que vivem no porão do Museu Estatal Hermitage, em São Petersburgo, na Rússia.

Aproximadamente 50 gatos vivem no famoso museu que abriga 3 milhões de obras de arte, artefatos e esculturas espalhados por edifícios.

De acordo com o museu, o local é o lar de gatos desde a época da imperatriz Elizabeth, que reinou de 1741 a 1761.

Os felinos sobreviveram a guerras sucessivas, à invasão das forças de Napoleão e até mesmo à revolução que derrubou o regime Czarista.

Atualmente, eles são cuidados por voluntários e funcionários do museu, e apoiados por doações, segundo o museu, que lembra que os animais têm máquina de lavar própria e os serviços de um veterinário local.

Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
21 de Janeiro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Na Companhia Do Garcia
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
04:00 - Show do Mário Belisário
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »