Modal

Inglaterra pode multar em até R$ 70 mil quem testar positivo para covid-19 e não se isolar

Segundo o primeiro-ministro do Reino Unido, país pode enfrentar 'segunda onda' do novo coronavírus

Por Redação Tupi

(Reprodução)

A Inglaterra deve multar em até 10 mil libras (equivalente a R$ 70 mil), a pessoa que testar positivo para o novo coronavírus e não cumprir o isolamento social, contou o secretário de saúde britânico Matt Hancock, em entrevista ao veículo de notícias BBC. A nova medida passa a valer a partir do dia 28 de setembro.

De acordo com o secretário, o país estava enfrentando um “ponto de inflexão e nós temos escolha”. “Se todos seguirem as regras, poderemos evitar mais confinamento a nível nacional”, acrescentou.

Com a ideia de um novo lockdown no país por conta de uma possível “segunda onda” do coronavírus, 0 governo britânico considera proibir que pessoas que moram em locais diferentes se encontrem, além de diminuir o horário de funcionamento de bares.

Perguntado se a Inglaterra poderia enfrentar outro confinamento, Hancock fala: “Não descarto, não quero ver (isso)”.

De acordo com a nova regra, quem se recusar a fazer o isolamento social após testar positivo para o novo coronavírus pode ser multado em até 10 mil libras (equivalente a R$ 70 mil), a partir do dia 28 de setembro. Além disso, essa regra é aplicada não só em quem testou positivo, mas também a pessoa que esteve em contato com outra que tenha o vírus.

Outras regras anunciadas pelo governo incluem a contribuição de um valor mínimo de 500 libras (R$ 3,5 mil) para aqueles que tiverem o rendimento mais baixo e uma multa para os empregadores que punirem os empregados que devem se isolar. As multas podem começar em 1 mil libras, e aumentar para 10 mil para os reincidentes e para “as violações mais flagrantes”.

“Precisamos fazer tudo o que pudermos para controlar a disseminação desse vírus, para evitar que as pessoas mais vulneráveis sejam infectadas e para proteger o NHS (o sistema de saúde público britânico) e salvar vidas”, disse o primeiro-ministro da Inglaterra, Boris Johson.

 

 

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Ele & Ela
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
08:00 - Show do Heleno Rotay
22:00 - Giro Esportivo
11:00 - Samba Social Clube
12:00 - Bola em Jogo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »