Patrulhando a Cidade

Bandidos que faziam mulher refém se rendem no Estácio

Neste momento, o Batalhão de Operações Especiais e o Batalhão de Choque reforçam o policiamento na região

Por Redação Tupi

(Foto: Marcos Antonio de Jesus/Super Rádio Tupi)

Quatros criminosos que faziam uma mulher de refém em um dos acessos ao Morro do São Carlos, no Estácio, se renderam por volta das 16h desta quinta-feira (27). Essa foi a segunda invasão de criminosos em residências na região. Nas imagens, é possível verificar que os bandidos ameaçavam a mulher com uma arma.

Neste momento, o Batalhão de Operações Especiais, o BOPE, e o Batalhão de Choque reforçam o policiamento na região.

Desde quarta-feira (26), um confronto entre bandidos de facções rivais leva pânico à região. Uma mulher morreu vítima de bala perdida. Ana Cristina da Silva, de 25 anos, estava indo trabalhar no bar da família e tentou proteger o filho de 3 anos.

O porta-voz da Polícia Militar, Coronel Mauro Flies disse que o Rio de Janeiro vive as consequências de anos de abandono na área social e na segurança pública.

Mauro Flies disse que a polícia militar respeita a decisão do Supremo Tribunal Federal, que proibiu ações nas comunidades durante a pandemia, mas disse que a determinação atrapalha o combate ao narcotráfico no Rio.

Sobre a ação no Complexo de São Carlos, o porta-voz disse que ela não foi exitosa, uma vez que uma vítima inocente perdeu a vida, porém afirmou que, se não a Polícia Militar, um rio de sangue escorreria pelas ruas do Complexo.

Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Janeiro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Antônio Carlos
« Programa Anterior
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »