Brasil

Filha de Elias Maluco afirma que pai foi assassinada dentro da cadeia no Paraná

Criminoso foi condenado pela morte do jornalista Tim Lopes, na comunidade da Vila Cruzeiro

Por Amanda Ribeiro

Julia Fernandes, filha do traficante conhecido como Elias Maluco, afirma que o pai foi vítima de queima de arquivo, o que diverge da versão de suicídio, divulgada pelo Departamento Penitenciário Federal de Catanduvas, no Paraná, onde o criminoso foi encontrado morto nesta quarta-feira (22).

Julia usou as redes sociais para contar que dias antes, Elias Maluco havia mandado uma carta para a família dizendo que não via a hora de estar próximo novamente. A advogada do traficante, Ceia Aparecida, conta que tinha uma reunião marcada com Elias Maluco no presídio e, ao chegar ao local, não foi informada da morte.

A Polícia Federal foi chamada para fazer perícia no local. O corpo está no Instituto Médico-Legal de Cascavel, na região oeste do Paraná, aguardando a chegada dos familiares.

Preso desde 2002, em 2005 o traficante foi condenado pela morte do jornalista Tim Lopes, carbonizado na comunidade da Vila Cruzeiro, na Penha, quando fazia uma reportagem sobre abusos de menores em um baile funk.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
20 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Francisco Barbosa
« Programa Anterior
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »