Patrulhando a Cidade

Polícia faz reconstituição de morte de pedreiro baleado em laje na Vila Kennedy

Familiares da vítima acusam os policiais de ter atirado e omitido socorro

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

Policiais da Delegacia de Homicídios da Capital realizam nesta quarta-feira uma reprodução simulada da morte do pedreiro José Pio Baía Junior, baleado na Vila Kennedy, Zona Oeste do Rio. Participam da ação testemunhas e policiais militares que realizavam operação na comunidade no dia do ocorrido. Jose Baía, de 45 anos, morreu dia 3 de setembro com um tiro nas costas enquanto trabalhava na laje de um sobrado.

Na ocasião, policiais militares do batalhão de Bangu estavam na região. Familiares da vítima acusam os policiais de ter atirado e omitido socorro. O irmão do pedreiro José Baía, Janilton Baía, disse que espera que, com a reprodução simulada, a polícia descubra quem atirou no irmão dele.

O pedreiro Jose Baía morava com a filha e a neta. Desde a morte dele, as duas se mudaram para outro estado por medo. Janilton Baía conta ainda que até agora ninguém da família recebeu apoio do estado.

O objetivo da reprodução é eliminar as dúvidas que ainda existem na investigação. O laudo pericial deve ficar pronto em 30 dias.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
15 de Novembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »