Política

‘Não fui quem traiu’, diz Tabata Amaral sobre PDT em artigo

No dia em que apresentou a defesa ao Conselho de Ética, deputada federal defendeu a postura pró-reforma da Previdência

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira, a deputada federal Tabata Amaral escreveu um artigo para o jornal Folha de S. Paulo, em que fala sobre o voto a forma da reforma da Previdência desenvolvida pelo governo Jair Bolsonaro, que ela votou a favor, apesar da recomendação do partido dela, o PDT. Também hoje, ela apresentou a defesa ao Conselho de Ética do partido.

No texto, ela nega traição ao PDT, que a ameaça de expulsão.

“Não fui eu quem traiu. O manifesto do movimento Acredito, do qual sou cofundadora, fala explicitamente da construção de uma política que promova o diálogo e a busca por soluções efetivas, e da crença em práticas partidárias mais democráticas e transparentes”, dizia um trecho do artigo.

De acordo com ela, a reforma em que votou é muito diferente da apresentada originalmente.

“Fui chamada de traidora, por ousar, como parlamentar mulher e jovem, de dizer sim a uma reforma da Previdência que havia mudado completamente desde sua apresentação”, escreveu Tabata.

Comentários
enquete

Amor eterno existe ou homem se casa por acomodação?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
22 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Patrulha da Cidade
« Programa Anterior
13:10 - Show do Pedro Augusto
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »