Mundo

Trump impedirá entrada de gestantes: ‘fechar essa brecha brutal de imigração’

Governo dos Estados Unidos quer evitar o 'turismo de nascimento'

Por Redação Tupi

Foto: Agência Brasil

O governo dos Estados Unidos anunciou, nesta quinta-feira, que o Departamento de Estado limitará  a concessão de  vistos temporários de visitante para mulheres grávidas intencionadas em entrar no país apenas para garantir que o filho se beneficie do chamado “turismo de nascimento”. Quando a criança nasce no país, ela tem o direito à cidadania americana.

“A partir de 24 de janeiro de 2020, o Departamento de Estado não vai mais emitir vistos temporários para estrangeiros que queiram entrar nos Estados Unidos para fazer ‘turismo de maternidade’”, afirma governo de Donald Trump.

A nova determinação vai contra a Constituição dos Estados Unidos que garante que todos os bebês nascidos em solo norte-americano tenham automaticamente direito à cidadania, mesmo que os pais não sejam americanos.

”A indústria do turismo de nascimento ameaça sobrecarregar valiosos recursos hospitalares e está repleta de atividades criminosas, como refletido nos processos federais. Fechar essa brecha brutal de imigração combaterá esses abusos endêmicos e, em última análise, protegerá os Estados Unidos dos riscos de segurança nacional criados por essa prática”, diz trecho do comunicado.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
24 de Fevereiro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Antônio Carlos
« Programa Anterior
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »