Conecte-se conosco

Capital Fluminense

Cedae faz manutenção preventiva na elevatória do Lameirão

Túnel que leva a agua da estação até o Lameirão tem cerca de 11km de comprimento

Publicado

em

Estação de tratamento no Guandu
Estação de tratamento no Guandu (Foto: Divulgação)

A Cedae vai executar nesta segunda-feira (26), das 8h ao meio-dia, manutenção preventiva em um dos motores da elevatória do Lameirão, em Senador Vasconcelos, Zona Oeste do Rio de Janeiro.  Durante o serviço, a elevatória vai operar com 95% de sua capacidade, reduzindo em 5% o fornecimento de água para os municípios do Rio de Janeiro e de Nilópolis. O abastecimento será totalmente restabelecido assim que a manutenção for concluída.

A elevatória do Lameirão é responsável por bombear metade dos 43 mil litros por segundo produzidos pela Estação de Tratamento de Água de Guandu para os municípios do Rio e de Nilópolis. A água é transportada da estação até o Lameirão por um túnel de 11 quilômetros.

Localizada a 64 metros de profundidade em relação ao nível do mar, a elevatória bombeia a água tratada a uma altura de até 120 metros (equivalente a um prédio de 44 andares), criando a pressão necessária para que percorra túnel canal de 32 km de extensão através do qual é distribuída para os municípios atendidos.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.