Conecte-se conosco

Rio

Cultura do Estado leva 130 crianças de comunidades das zonas Norte e Oeste ao Circo

Mais de 4 mil pessoas do Complexo do Jacarezinho, Muzema, Cesarão e Cantagalo-Pavão-Pavãozinho já foram beneficiadas com o Passaporte Cultural

Publicado

em

Cultura do Estado leva 130 crianças de comunidades das zonas Norte e Oeste ao Circo (Foto: Leonardo Ferraz/ Divulgação)
Cultura do Estado leva 130 crianças de comunidades das zonas Norte e Oeste ao Circo (Foto: Leonardo Ferraz/ Divulgação)

A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa (Sececrj) vai levar 130 crianças do Complexo do Jacarezinho, Muzema, Cesarão e Cantagalo-Pavão-Pavãozinho para conhecer o Reder Circus, no Leblon, na Zona Sul do Rio. Esta é mais uma iniciativa do projeto Passaporte Cultural que já impactou a vida de quase 4.500 pessoas dessas comunidades.

“Entendemos que a cultura é um motor de desenvolvimento social e uma ferramenta de transformação. Então, nada melhor do que unir forças com o Passaporte Cultural e ampliar o acesso à cultura da população de baixa renda, incentivando a formação de plateia e garantindo visitas a centros culturais de grande relevância”, afirma a Secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa, Danielle Barros.

O acesso aos equipamentos culturais é feito com o Passaporte Cultural, programa criado pela Secretaria de Cultura e executado pela Escola da Cultura. Neste ano, já foram realizadas visitas a lugares como o Circo Abracadabra, Unicirco, Parque Shanghai, Museu de Arte do Rio (MAR), Parque Lage, Planetário e o Museu do Amanhã. As ações têm mudado a vida de pessoas que, até então, não tinham oportunidade de visitar esses lugares.

“A Escola da Cultura foi criada com intuito de garantir apoio aos municípios, incentivando atividades em todo o estado, e o Passaporte Cultural realiza exatamente isso. Por meio da parceria com o Cidade Integrada, conseguimos atender as comunidades contempladas no programa, entregando um serviço para pessoas que, historicamente, se encontravam distantes dos equipamentos culturais”, destaca a Subsecretária e Diretora da Escola da Cultura, Cláudia Viana.

O Passaporte Cultural atende escolas, instituições beneficentes, associações de moradores e organizações culturais comunitárias, levando grupos de pessoas para conhecerem, gratuitamente, equipamentos culturais.

Para quem deseja participar, basta entrar em contato através do e-mail [email protected].

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *